Ora hoje são...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Há dias assim...

A todos os leitores...vou agora colocar esta questão:
"Já se sentiram com poderes para fazer tudo?"

Eu, em particular já coloquei essa questão a mim mesmo, ínumereas vezes!
Há dias em que parece que consigo correr meio mundo e não me cansar!
Há dias em que parece que tenho poderes para parar a Terra e fazer o Sol rodar em volta dela!
Há dias em que parece que consigo criar a Paz Mundial durante 7 Segundos!
Há dias em que não me aptece crescer....

Por vezes parece que consigo separar os mares...
Por vezes parece que consigo alimentar o Mundo e matar a sede...
Por vezes parece que consigo fazer chover num deserto...
Por vezes parece que consigo estar num palco a tocar e a cantar para o Mundo inteiro...
Por vezes parece que consigo ser amado...

Por vezes consigo imaginar tudo isto...

7 comentários:

Physis disse...

"Por vezes parece que consigo ser amado..."

Há dias, ou melhor, há horas em que parece que sou amada, mas tudo parece efémero e com limite, o que nos faz sentir que perdemos esse poder de fazer tudo. O amor é o que nos dá o maior poder para conseguirmos fazer tudo. Sem ele, há um vazio profundo que nos transforma e parece que nos mata.

Mas sintamos amor, há várias formas do sentir. Sinto-o hoje, não na forma masculina onde queria depositá-lo, mas amor enformado no sol, na amizade, num simples sorriso, numa simples piada...

Sim. Com este amor conseguimos tudo. Conseguimos andar na rua e sentir as pedras da calçada levitando, conseguimos mover as nuvens, conseguimos fechar os olhos e sentir o nosso corpo em terra distante... Sentimos poder para patinar no nosso mundo e alterar o mesmo à nossa maneira.

Amor move tudo. Amor dá-nos poder para tudo.
Com amor, sinto poderes para fazer tudo.

Anónimo disse...

a imaginação é o nosso maior tesouro, permitenos sonhar, permitenos afastar da triste realidade que por vezes nos envolve... a imaginação é o nosso maior tesouro

Catarina G.

live positive. disse...

a isso eu chamo de "poder da mente" movida a força de vontade..há dias em que a nossa vontade/garra supera quaisquer outras vontades de permanecer na realidade em que esses poderes são inimagináveis.

Duas perguntas: porquê 7 segundos, porque não 5 ou 6? Porque é que só às vezes consegues sentir que és amado? people say that love is in every movement,all around you..

Marta disse...

...às margens...

"De repente deu-me vontade de um abraço...
Uma vontade de entrelaço, de proximidade..
de amizade..sei lá..
Talvez um aconchego que enfatize a vida e
amenize as dores...
Que fale sobre os amores,
que seja teimoso e ao mesmo tempo forte.
Deu-me vontade de poder a rever saudade
de um abraço.
Um abraço que eternize o tempo
e preencha todo espaço
mas que faça lembrar do carinho,
que surge devagarzinho
da magia da união dos corpos, das auras...
Lembrar do calor das mãos
acariciando as costas
a dizer..
"estou aqui."
Lembrar do trançar dos braços,
envolventes e seguros afirmando
"estou contigo"..
Lembrar da transfusão de forças
com a suavidade do momento ..
abraço...abraço...abraço...
abraço...abraço..abraço...
abraço...abraço...abraço...
abraço...abraço..abraço...
abraço...abraço...abraço...
abraço...abraço..abraço...
O que importa é a magia desse abraço!
A fusão de energia que harmoniza,
integra tudo, e que se traduz
no cosmo, no tempo e no espaço.
Só sei que agora deu-me vontade desse abraço!!
Que afaste toda e qualquer angústia.
Que desperte a lágrima da alegria,
e acalme o coração..
Que traduza a amizade,o amor e a emoção.
E para um abraço assim só pude pensar em ti...
nessa tua energia,
nessa tua sensibilidade
que sabe entender o porquê...
desta vontade deste abraço."


Vinicius Moraes

Iúri Umbopa* disse...

realmente...boa pergunta...mas não sei responder....foi instinto

Raquel disse...

Lindissimo! Fez-me arrepiar.

Obrigada pela tua passagem no meu blog.

Beijinhos

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

na boa raquel..aparce aqui sempreque quiseres..