Ora hoje são...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Pesquisar neste blogue

domingo, 29 de novembro de 2009

Variações de um Rebelde #4 Profecias de Zion

Sim...pessoas com diferentes visões e mentalidades, sobre o que é a realidade, mas no fundo estamos cá e falamos de tudo de forma diferente.
Zion, Terra Prometida, Estado de mente, o que lhe queiram chamar...terra onde há paz, amor e fé...uma terra onde o sol brilha 24 horas por dia, terra onde há paz e equilíbrio humano. A matemática da sua construção ultrapassa qualquer engenharia e construção jamais feita neste Universo. Seus verdes, cobrem longos continentes  e os rios, alimento o animal que não comemos. Os frutos e alimento que nos é fornecido nasce e desabrocha todo o ano, há muito trabalho para ser feito nesta terra...será recompensado com vida e energia, não existe dinheiro não existe desgraças...
Enquanto no Planeta Terra, controla-se e rege-se o Mundo pela violência e ganância...onde se comem uns aos outros, onde as meninas vestem o sapatinho de cristal no pé de bruxas, onde os senhores vestem-se com o fado que não lhes foi destinado, em Zion...foi destinado uma vida com realidade.

Canto e toco junto dos meus músicos às portas das nações que cá queiram entrar, cantamos palavras contra as nações militares de armas de fogo....cantamos com as nossas armas:
Música, Jah, Paz, Amor, União
Escrevo este texto a chorar...
Escrevo este texto com uma melodia que eu crio na minha cabeça em forma de Ode.
Vivo de forma consciente e certa...
Libertei-me das correntes pesadas e ferrugentas que me prendiam à terra suja de prostituição, álcool e droga.

Sou livre e ninguém é mais forte que eu...
Jah, agora sou livre...
Vejam a maneira como eles vivem colados às tecnologias e esquecem se da Natureza e Luz de que são feitos...
Eu toco e canto com os meus Músicos e Cantores...no canto da Babilónia, às portas de Sião...observo e toco com as lágrimas nos olhos....observo as derrocadas e as mentes perdidas...
Canto e toco de forma forte..sou a voz do Mundo que quer ficar livre de opressão...
Mas eles insistem em lutar com violência....
Jah vai ajudar-me sempre...
Música vai ajudar-me sempre...
 Sente, Eu sou carne, ossos, pele e dreadlocks...os meus princípios, rico sem um tostão...passo fome para ajudar o meu vizinho, luto sem armas, dou amor sem dar um beijo ....Sou livre

Sou Livre...
Somos Livre O´Jah



Sobre o fogo e o som dos tambores e guitarra...cantamos e damos louvores à Vida limpa e pura que vivemos...
Sim meus caros, a lu está mesmo no canto da rua que está à vossa frente, o caminho onde são livres...

Enquanto toco e canto, vejo as grandes massas metropolitanas a cair, a fome, as balas e o tiros disparados, a terra vinga-se com os Terramotos, Meteoros, Tempestades e trovões...

I´n´I on Soul
Positividade naquela terra onde foi outrora escrita nas escrituras que foram queimadas pelos povos violentos, é agora aqui escrita...

Sou Livre...
Somos Livre O´Jah



As correntes foram quebradas, a Música foi lançada, o Amor semeado...não começa aqui, mas sim nas nossas casas.
Enquanto a melodia toca na minha cabeça eu chorar e escrevo...
Liberta-te...
Não?!
Vocês não sabem o que é viver na linda Terra de Sião, onde lindas letras são semeadas para lindas palavras serem escritas...
Vocês não sabem o que é semear notas e saírem músicas a cada dia que passa,
Lá a sabedoria da Vida e a União é estudada....
Eles não vêem o que o meu Coração vê. Eles não sentem...
tem o que eu sinto...não tem a minha sabedoria e consciência. A minha alma e o meu viver em harmonia...A minha voz roca fala ao som destas palavras...conseguem sentir?
Espalho positividade sem olhar para trás...levanto o meu amigo...
O que ganho com isto?
NADA...não preciso....porque meus actos são autenticas obras de Deus...
O sonho comanda a vida..e a Vida sem força é como comida sem sabor...
A minha música sai por natureza..a minha escrita é mera profecia....
Estou apto para ver a Luz...
Está mesmo ao pé de todos nós...
No final da música...
Silêncio
***
Enquanto às portas de Sião fazemos 3o minutos de Silêncio...
a Terra é corroída por Inimigos Públicos com sorrisos de hienas...
Meu Povo ri e chora...
Ouve-se o estalar da madeira no fogo...
o Vento a soprar ao de leve...
os nossos cabelos a viajar com o vento...
Uma aurora a tapar os nossos céus com cores e magia...
As nossas lágrimas a dar frutos em solo divino...
Caminhemos...
***
Não. não é o meu ultimo suspiro. É a luz do meu coração a falar...um pouco de ar que entra e sai esta escrita, a minha redenção. Cresci sobre Verde, música...vivi por várias gerações e por mais milénios vou viver...vou caminhar sozinho...vou morrer vou renascer como a fénix, vou cantar à lua, vou gritar, vou explodir com o Universo e dar-lhe equilíbrio....não entrará nenhum mau coração nesta Terra de Sabedoria....
Vou gritar ao Mundo, Cantar ao Mundo...Saltar e estremecer o Mundo...Vou rodopiar...Vou renascer cada vez que me levantar da minha cama...vou morrer  velho e vou no próximo dia acordar após sair do ventre da minha próxima mãe...
Vou Caminhar sozinho....vou gritar para a Lua e agarrar o Sol sem me queimar....vou me fazer  ouvir...
Não vou cair como a torre de Babel caira...
na minha casa vai entrar coração puro e mãos limpas....
Anda...vou te fazer ouvir estas sérias profecias...
Ao final do dia junta te aqui ao rio ao pé de casa e vamos discutir e dizer te que Palavras jamais escritas.
Choro ao escrever isto, arrepio-me ao sentir a energia a sair da ponta dos meus dedos e a escrever palavras que não fazem parte do meu vocabulário...
Mas a melodia esta me nas veias...e as letras saem como vómito.
Rendo me ao Leão que está lá em cima a observar-me e me.
Esta é a minha ordem...a minha Lei...a minha filosofia...
Se roubas amor ao Mundo roubas amor a mim....
Queres igualdade mas vives em palácios de ouro...não cresceste e o tempo não para...
eu Vivo música...
Mas, mas, mas, mas, ...
Sim...canto, uso a cabeça...no topo do Mundo,,,,
AIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII

GRITO COM TANTA FORÇA.......
Rebento com as minhas veias com tanta energia.....não me aguento.....
parem com brutalidades.....Fogo será derramado sobre corações impuros....

(Acordei da minha Meditação)

"Caros leitores, um texto escrito num momento de meditação profundo, pode ser um pouco pesado mas foi o que escrevi. Escrevo metáforas, onde descrevo o Zion Pavillion, em várias formas, versus o Mundo onde maior parte das pessoas vivem. Concretizo a minha escrita feia em palavras de esperança..rebentei o texto com um grito e estas palavras soltas

...Luz e protecção"

20 comentários:

AxOr!aNo disse...

Fiquei perplexo ao ler o comentario que deixaste no meu blog , pensei “ boa , mais um jovem a fazer publicidade as letras que plagia de qualquer outra comum pagina “ , mas depois por acaso decidi seguir o trilho das hiperligacoes e la calhei de abrir a tua pagina , felizmente!
Só boas energias por esta zona , fiquei deslumbrado , obrigado pelo caminho =P

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

brigada amigo

# Gabriela disse...

É triste ver que já não há assim tantas pessoas idênticas a ti, com a tua forma de pensar, com a tua energia. É triste. Vivemos numa sociedade consumista e egocêntrica. O mundo perdeu-se, todos vivemos por nós mesmos. Perdeu-se a partilha, e o amor oferecido. Limitamos-nos a apreciar receber e receber. Tudo.
- Confesso, que eu mesma tenho os meus momentos egoístas, e envergonho-me de isto revelar. E eu quando te assumo que gostaria de ser uma nova pessoa (menos sofrida, menos vingativa, mais harmoniosa) não te minto. Simplesmente, desligo-me e vejo que tal luta é extremamente complicada. Será fiável?

O Meu Blog disse...

Adorei este blog. :)

Paz **

|| Né # disse...

Mais um grande texto!!
está visto que nao necessitas de muita inspiração para escrever grandes textos. sao todos maravilhosos como sempre :)

M.sunshine disse...

estamos em sintonia hoje :)
que Jah, nos mantenha unidos meu querido, o mundo que desejamos vai chegar <3

(é mesmo bom, ler alguém que partilha mesmo as mesmas opiniões que nós.)

jo disse...

Sempre muita paz, muita descontracção, muito reggae *

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

ne...sao grandes são..aposto que os meus leitores se fartam as vezes:P

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

m susnhine...estamos sempre

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

gabriela..inspira e expiraaa

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

o brigada..

o meu blog:P

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

jojo:)

disse...

Gostava de um dia poder fazer parte desse mundo. Esse mundo onde reina a paz e não a guerra. Onde existe amor e não ódio. Onde tudo é simples e puro. Onde podemos sorrir,gritar,amar,correr,dançar,cantar, renascer sem termos medo seja do que e de quem for. Continua a iluminar o nosso caminho com as tuas palavras sábias. Agradecemos...

Agradeço amigo ^^

Iúri "Zúluri Regueiro" disse...

amiga perfeito...estas no bom caminho...

Rita da Maçaroca disse...

Irmão Iuri como adoro todas as palavras que escreves em momentos de meditaçao profunda. :)
És um exemplo de todos e para todos. Que MUNDO possa um dia ser como o descreves, cheio de amor, com a energia suficiente para gritar bem do topo e dizer "AQUI VOU SER FELIZZZZZ" :D

És um achado meu caro.
:)

Beijinhos*

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

o ritica maninha..es uma tonta,,,brigada

Piper disse...

Sério? Grandes bailarinos mesmo? Eu desisti quando era mais pequena (há sete anos atrás), e agora voltei! E não a vou deixar por nada deste mundo ! (:

Piper disse...

Sério? Oh, quem me dera... !
Mas por vezes penso que não sou capaz. Existem tantos bailarinos bem melhores que eu, a fazer coisas que ainda não consigo fazer. Por vezes isso deita-me abaixo e fico a pensar como fui parva em ter deixado o ballet naquela altura da minha vida...

Piper disse...

Oh, muito obrigada! :D
Mas sabes uma coisa? Eu tenho medo... Tenho muito medo de nunca conseguir chegar onde quero. Eu quero saber mais e aprender muito mais do que aquilo que já sei, mas tenho medo...

Susaninha disse...

IÚRI ZÚLU:):)
Ficas bem querido quando meditas:):)
Ahahahhahah...um sorriso daqueles tão grandes que é impossivel dizeres que sou desbaturada:):):)