Ora hoje são...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Crónicas de um Viajado #4

Foi me dado pedras, sementes, corda e paus....
Pedras foram as minhas almofadas onde assentei a minha cabeça....
As sementes o alimento do meu espírito físico....
A corda o meu porto seguro onde me agarrava quando a minha vida se virava contra mim...
Os paus...com eles o fogo e um pouco de aconchego quente para o meu Templo.
Entre Solos e mares eu caminhei e naveguei...
Entre solos eu fiz a minha comunicação e desenhos no chão...
Compus e toquei...
Á chuva dancei...
Quem diria que após me terem dado aquele animal que tanto me custou matar..eu poderia construir a minha sina.
Sou um verdadeiro Homem, Imperfeito e defeituoso...Sou um Verdadeiro Homem, que nunca amou..mas lágrimas derramou...
Um verdadeiro Homem, Maravilhosamente Feio onde da terra saltitou e tropeçou acidentalmente para um caldeirão de Sabedoria.
Sabedoria de Sentimentos e onde a Lei de Deus se sobrepõe sobre a Lei dos defeituosos...A Lei Humana...
Aquele Livro Sagrado de metáforas, simbologia, números e Profecias...um livro queimado e outrora reanimado. Um Livro ...
Foi me dado ouro, prata, riqueza e pirâmides e um império...
Eu...
Ri-me, fechei os olhos e preferi virar costas....
Virei as costas e pedi autorização para matar aquela cabra branca gorda e bem abastecida...
Sua carne não ingeri mas sua pele aproveitei....
Pedi autorização para deitar aquela grande árvore abaixo e sua madeira aproveitar...


Um instrumento mudou a minha Vida e tornou-me num...

Não sei bem...Uma Cultura, Música, Dança, Religião...
Que consciência Linda....
Aceitei naquele dia o incenso daquele mendigo e o pó seco daquela senhora onde só os seus olhos se via...
Agarrei e guardei no meu coração...
Vi um cão invejoso que ao passar a ponte e olhou para o lago que por baixo passava..quando viu o seu reflexo assustou-se e deixou o osso que trazia na sua boca cair...
Fui enfeitiçado...
As palavras um dia vieram me aos dedos em forma notas musicais que soavam aos ouvidos de todo o Mundo...
Não coloquem questões, não falem daquilo que não sabem...
A minha Medicina de ervas, e a minha sesta ao final do dia...
Invadiram a tribo dos Zulus..
Alfabeticamente escrevo o nome Dele na terra e inspiro os meus Fumos bem cheirosos...
Meto mais umas pedras de calçada no meu livro e pinto-as a carvão...Ninguem as lê nem as percebem...mas a Paz e a Liberdade sentem....
Mas a final de que falo eu e de que escrevo eu?
(Não sei ..mas disseram-me ao ouvido para escrever isto...)

E viajei.......



32 comentários:

Rita da Maçaroca disse...

Iuri esclarece-me... nunca amaste?
Perdi-me ali :$

Mas gostei como sempre^^

Beijocas *

Girl in the Clouds disse...

Votos de um excelente 2010!! Com muitas viagens na escrita e não só!!

Patrícia disse...

perfeito.

tem um bom ano, ou uma "continuação de vida" boa (:

jah love

Asiram disse...

a verdade é que nós na maioria nunca sabemos o que escrevemos nem o que dizmos e só depois é que damos conta do que escrevemos ou falamos....;)


bom ano*

Grenouille disse...

Sem palavras!
'As palavras um dia vieram me aos dedos em forma notas musicais que soavam aos ouvidos de todo o Mundo...
Não coloquem questões, não falem daquilo que não sabem...'

tu tens O talento das palavras!

Grenouille disse...

ah e btw, já amaste sim!!!!!!

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

ahah rita..longa historia

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

brigada girl

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

patricia

protecão

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

asiram..***

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

grenoille..ahaha es demais

Rita da Maçaroca disse...

claro que nao há?
que coincidencias iuri?

:D saudades manoooooo ^^

incógnita disse...

Parece que todos embicamos ali na parte do "Sou um Verdadeiro Homem, que nunca amou " =P

Gostei

Ritinha (: disse...

Eu apaixono-me pelos teus textos !

maria da silva ♥ disse...

foi a primeira vez que cá vim e já fiquei fascinada com estes textos..

Physis disse...

Compreendo a pergunta da Rita "Nunca amaste?". Longa história é o que dizemos sempre que temos uma certa vergonha do que aconteceu.

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

ai ritita.....maninha saudades

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

incognita..nunca amei ate certo ponto...mas ja sabes qeu escrevo complexidades mas estou a ver que os meus leitores estao a levar tudo muito a letra

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

oh ritinha brigada

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

maria da silva..e estam abertas as portas para vires ca mais vezes

Iúri Zúluri Revel Regueiro disse...

tixa...
nao tenho vergonha de nada...infelizmente nao sabes do que escrevo..nem em que altura foi escrito....

Todagente encalhou ali pois pensam que amar e uma conta de 1+3=4

mas nai é..

mas nao sou eu que vou dizer o que e amar...

tenho dito

Barbara disse...

Sua viagem é boa!
Suas palavras saem de um lugar onde a verdade descansa tranquila.
Isso senti.
1 abraço.
Realmente não me arrependi.

Rita da Maçaroca disse...

Eh lá a conversa andou acesa por aqui... Apenas achei curiosa a afirmação. A vida tratará de me ensinar aquilo que ainda não sei, assim como o continua a fazer contigo e com todas as outras pessoas, suponho. Nao quis de maneira nehuma denegrir os teus sentimentos. És uma pessoa maravilhosa e eu nunca poria em causa aquilo que te de melhor há na tua alma mano :$

Ate me sinto um pouco envergonhada agora... :(

Beijinhos

Paula disse...

Encontrei um selo qualquer perdido num blog com nomes esquesitos (perdoe-se a minha ignorancia lol)...cheguei a este blog.
Primeiro elogio a tua forma de vida, a forma como encaras e ves a vida. Infelizmente as pessoas perdem-se por aquilo que é mais superfulo...cada vez mais as pessoas se prendem aquilo que bem visto resume.se a nada. As vezes a tristeza, raiva, ganancia inunda-nos de tal forma que é dificil encontrar um rumo e saber engolir em seco e atirar das costas...ultrapassar! Mas é isso que se deve fazer, porque a vida é pequena demais para se perder uma parte com coisas que nao valem a pena.
E apesar de falar assim desta forma tenho noção que já dei importancia e por vezes ainda dou aquilo que não devo como belezas exteriores - capas que nada dizem, consumismos- uns ataques de vez enquando, tristezas, raivas e melancolias - nem sempre é facil agarrarmo-nos á vida engolir em seco atirar para o passado e seguir em frente. Contudo é isso que se deve fazer e que deve ser feito. Porque na vida é preciso ser feliz.

Quanto a amar é algo extremamente complexo que até hoje neste mundo apesar de tentar conseguiu chegar a uma definição que se possa dizer verdadeira. Isto porque amar tem diversas formas e feitios, pode se amar muita coisa e não ter aquilo que se chama um verdadeiro amor. E por isso acho que consigo entender a ideia (eu e as minhas manias que entendo tudo XD)

E tudo isto para dizer que gostei de te ler.
Desculpa o testamento(dizem que é de borla e acontecem estas situações)

Joanne disse...

ahahah Eu cá tou viajando, com tudo o que a vida me dá, e com tudo aquilo que ela me tira e assim vou vivendo de sorriso no rosto. Ao longo da estrada deixo sair de mim os melhores sentimentos e tento compreender os maus para saber se a minha energia está saindo em vão. Mas sou feliz, sorri-o para o ar e agradeço todo o meu caminho!

^rp disse...

Lindo...Perfeito....
Ninguem é perfeito, ninguem vive um dia sem erros, mas amar é a coisa mais perfeita que temos, e, que mascara qualquer defeito que possa existir. Tenho acerteza que há amas.te...que amas...nós amamos sempre, nem que seja o nosso blog*** :)!
...Unico!
Bjx!

katie. disse...

Espero que continuem a dizer-te coisas assim ao ouvido... :) beijinho

Gabriela disse...

Tenho saudades, muitas saudades.
Onde te meteste?

Gabriela disse...

ainda falta tanto para o fim do mês :(
- ao menos isso: saber que vens ter comigo. isso sim, alegra-me imenso. cá te espero amigoo! (L)

Chayani disse...

Faz tempo que não passava aqui... tão belo sempre tudo que escreve, parabéns Iúri.

Aproveito para te desejar já tarde, um Feliz 2010, com tudo aquilo que tu queiras sentir, sonhar e realizar!

Beijos :)

Luh* disse...

As coisas simples nos enfeitiça, muito bom o que tu escreve, mexe com o meu interior.
beijos

Pedro disse...

Está perfeito. :)
Escreves muito bem. Dá-me um pedaço desta tua magia. (Dás??)